12 de maio de 2021

LBV fará doação de duas toneladas de alimentos em Santa Cruz do Capibaribe nesta quinta-feira

85 famílias vulneráveis atendidas na Creche Cleóstenes Pacas, do bairro Polis Pacas serão contempladas pela campanha Diga SIM

 

População na zona rural enfrenta maiores dificuldades com relação à segurança alimentar (Assessoria)

Em meio à maior crise sanitária das últimas décadas, a LBV (Legião da Boa Vontade) mantém seu compromisso em ajudar a quem mais precisa. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em cinco anos, a fome aumentou no Brasil e já são mais de 10,3 milhões de pessoas em situação de miséria no país.

Entre os estados com maior índice de insegurança alimentar, Pernambuco é o quarto estado do Nordeste onde a população não tem segurança de realizar todas as refeições do dia, são 661 mil pessoas que enfrentam a fome diária, o que representa 6,5% da população do estado. A fome é mais prevalente nas áreas rurais, e atinge mais os domicílios chefiados por mulheres. Metade das crianças com até 5 anos tem restrição no acesso à alimentação de qualidade.

Nesta quinta-feira (13), às 10h, a Legião da Boa Vontade estará em Santa Cruz do Capibaribe com a campanha Diga SIM, realizando a entrega de 2 toneladas em cestas de alimentos, leite e kits de material de limpeza e higiene pessoal. Ao todo, 85 famílias assistidas pela Creche Cleóstenes Pacas, no bairro Polis Pacas receberão os donativos.

A LBV convida a Sociedade de Santa Cruz do Capibaribe, a colaborar com a iniciativa solidária para que mais pernambucanos possam ser assistidos pela ação humanitária no enfrentamento a fome e na prevenção à Covid-19.

Em todo o Brasil, a Campanha Diga SIM da LBV, tem como meta entregar até agosto, nas cinco regiões do país, mais de 104 mil cestas de alimentos; 311 mil litros de leite; 110 mil kits de higiene e de limpeza, além de continuar com todo atendimento em suas 82 unidades.

SAIBA COMO AJUDAR:
Acesse
www.lbv.org.br e doe qualquer valor. Se preferir, faça uma transferência bancária pelo PIX oficial da LBV: pix@lbv.org.br.

CONTAS BANCÁRIAS:
Bradesco: Agência: 0292-5 — C/C: 92830-5
Itaú: Agência: 0237 — C/C: 73700-2
Banco do Brasil: Agência: 3344-8 — C/C: 205010-2
Caixa Econômica Federal: Agência: 1231 — operação: 003 — C/C: 100-0
Santander: Agência: 0239 — C/C: 13.002754-6

Confira essas e outras ações realizadas pela Instituição no endereço @lbvbrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

Postado por: Walter Miro

28 de abril de 2021

Família santa-cruzense luta para arrecadar dinheiro e realizar exame médico de alto custo em menina de 12 anos

 

 

Há cerca de um mês, uma família de Santa Cruz do Capibaribe está mobilizada em torno de recuperar a adolescente Ana Beatriz, de 12 anos, que sofreu um acidente doméstico no banheiro da casa onde mora com a mãe, no bairro São Miguel.

A menina sofreu uma lesão e acabou apresentando sintomas como perda de memória, alterações de humor, falta de visão, problemas de coordenação motora e dificuldade de locomoção.

Inicialmente a menina foi atendida em Santa Cruz do Capibaribe, mas acabou sendo transferida para o Recife, onde foi atendida inicialmente no Hospital da Restauração, e atualmente, encontra-se no Hospital Universitário Osvaldo Cruz.

Ana Beatriz está sendo acompanhada por uma equipe médica, e entre os exames que precisa realizar para conseguir diagnosticar seu problema, que ainda é desconhecido, surgiu um entrave financeiro que está preocupando familiares e amigos.

Um dos exames custa R$ 9 mil, valor no momento inacessível para eles, haja vista a necessidade de realização do exame com urgência, em Pernambuco, ele só é realizado em uma clínica particular da capital, e de acordo com a equipe médica, é o mais adequado para que possa ter o diagnóstico fechado. Até o momento, o valor alcançado foi de R$ 6 mil, faltando R$ 3 mil para que o exame seja feito.

Se você puder colaborar com qualquer valor, ajude a família através de doações através da seguinte conta:

Caixa

Agência 1038

Operação 013

Conta poupança 37483-2

Em favor de Jaqueline Alves Berto

 

Acompanhe um pouco mais desta história em conversa com a senhora Cleide, madrinha de Ana Beatriz, com o repórter Walter Miro:

Postado por: Walter Miro

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!