9 de janeiro de 2022

Padres Kennedy e Wilson ficarão até o fim desse mês em Santa Cruz do Capibaribe

Padre Antônio Márcio se despede dia 13 de fevereiro

A Diocese de Caruaru anunciou desde o último dia 1º de janeiro, cerca de 25 nomeações e transferências de padres que ocorrerão nas igrejas católicas em Pernambuco, inclusive em Santa Cruz do Capibaribe.

Com as mudanças já oficializadas, os padres de Santa Cruz já preparam suas últimas celebrações e anunciam a data de posse em suas novas missões e, também dos padres que virão ao município.

Pe. Kennedy Amorim é pároco na Igreja do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel

 

O atual pároco da Igreja do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, Kennedy Amorim, irá celebrar a última missa na paróquia no domingo 23 de janeiro a partir das 7h30 da manhã. Ele vai assumir a Paróquia de Nossa Senhora de Fátima, no Jardim Boa Vista em Caruaru no dia 05 de fevereiro.

 

Pe. Wilson Nunes é vigário paroquial da Igreja do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel

 

Já o Vigário Paroquial, Padre Wilson Nunes, irá assumir a Área Pastoral São João Batista, em Encruzilhada de São João. Sua última missa em Santa Cruz do Capibaribe será celebrada no sábado dia 22, a partir das 19h30. A mudança do padre ocorre no dia 31 de janeiro.

 

Pe. Antônio Márcio é o atual pároco da Igreja de Nossa Senhora Aparecida

 

Já o padre Antônio Márcio, da Paróquia de Nossa Senhora Aparecida celebra sua última missa no dia 13 de fevereiro e assume a Paróquia de Sant’Ana em Gravatá no dia 15 de fevereiro.

Chegada dos novos padres

Pe. Luiz Antônio assume a Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel

 

O padre que irá ficar responsável pela Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, Luiz Antônio, assume a igreja no dia 28 de janeiro (sexta-feira).

 

Padres Augusto Fagnê e Adenilton, assumem a Igreja de Nossa Senhora Aparecida

 

Padres Augusto Fagnê e Adenilton Moisés assumirão a Paróquia de Nossa Senhora Aparecida no dia 17 de fevereiro (Quinta-feira), a partir das 19hrs

Postado por: Eliton Araujo

6 de janeiro de 2022

Filho de Pe. Bianchi Xavier é revelado e pede indenização de R$ 2 milhões à Diocese por danos morais; Ação tem como réus, padres, o atual e o ex-bispo  

 

 

Tramita na justiça, ação de autoria do sr. Emanuel Gaspar Araújo da Silva Xavier (23 anos), residente na Paraíba, que afirma ser filho legítimo e único herdeiro do Pe. Manoel Francisco Xavier, conhecido “Pe. Bianchi”, falecido em 12 de maio de 2021, vítima da Covid-19.

Entre outras missões, Pe. Bianchi foi pároco em Santa Cruz do Capibaribe, na Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, nos anos de 1980 e 1990. Ele chegou a disputar a eleição para prefeito em 1996, perdendo para Ernando Silvestre.

 

 

O Blog da Polo acesso ao documento na íntegra. A ação indenizatória por danos morais, tem como réus; José Ruy Gonçalves Lopes (“Dom José Ruy”), Bernardino Marchió (“Dom Dino”), os padres José Adjaclécio da Silva, Luiz Antônio da Silva Filho, Renan Sebastião da Silva, Eriko Cezar Ramos Gomes Pontes e a própria Diocese de Caruaru.

Emanuel Gaspar é fruto de um relacionamento do padre com Catarina Bezerra de Araújo, que atuou como secretária na Paróquia de Santa Cruz do Capibaribe. Além de postular em nome próprio, o autor pleiteia danos morais supostamente sofridos pelo falecido padre Bianchi e pede R$ 2 milhões em indenização.

Segundo o autor das denúncias, Pe. Bianchi teria sido perseguido e “viu-se ‘preso’ numa ardilosa teia, amaranhada por egoísmo e retaliações”. A perseguição, nas colocações do autor, acontecia por inveja do espaço conquistado pelo padre, em virtude do seu carisma onde chegava.

“A honra deste nobre Pe. Bianchi foi deveras vilipendiada por todos os Réus, sem exceção, que agiram de modo orquestrado para destroçar a alma deste finado sacerdote, e, por conseguinte, do seu descendente, ora Autor”, diz trecho do documento.

 

 

Para o autor, Bianchi era mal visto por seus pares ‘pela sua sinceridade’, supostamente não gostar da ‘vida luxuosa’ de alguns padres e teria sido perseguido com mudanças de paróquias, de maneira fora do comum no meio católico.

“A vida sacerdotal de Pe. Bianchi foi marcada pela perseguição, tentativas de desconstrução de sua imagem e desrespeito a direitos fundamentais de todo e qualquer cidadão”, diz em outro trecho.

Emanuel Gaspar afirma que ele e, principalmente, Pe. Bianchi sofreu grandes danos psicológicos, dignos de reparos. “O conflito emocional era tamanho, que vários foram os momentos em que Pe. Bianchi sofreu de quadros depressivos”, diz.

Segundo os relatos do autor da ação, Pe. Bianchi sofria calado, mesmo após ser chamado por seus colegas de “político vagabundo”, “velho estúpido”, “desonesto imundo, que sangra a Igreja”, entre outros supostos insultos.

Na petição, o filho faz extenso relato da suposta convivência dele com o padre Bianchi e realça pesadas acusações contra os réus, principalmente, contra o bispo e o ex-bispo da Diocese de Caruaru. Em um dos trechos, o filho sustenta que Pe. Bianchi teria lhe confidenciado sobre supostos “desvios significativos de verbas da Diocese”, durante a administração de Don Dino.

Ao falar sobre momentos delicados em que o Padre passou com Covid-19, doença que lhe custou a vida, Emanuel Gaspar, questiona a Diocese, por supostamente negligenciar cuidados ao Padre idoso.

 

 

“Caso Pe. Bianchi tivesse cumprido fielmente quarentena (como outros padres idosos da Diocese de Caruru, teria morrido justamente de Covid-19?” pergunta e indaga em outro momento “evidente que caso o bispo tivesse agido com a parcimônia adequada, cumprindo o dever de vigilância, em especial garantindo a saúde dos clérigos mais idosos, a presente demanda sequer existiria. Ora, por qual motivo alguns padres permanecem até os dias atuais salvaguardados, enquanto outros, no ápice da pandemia em 2021, foram expostos ao contágio?” e define, por fim, “Infelizmente, o coronavírus ceifou a vida de Pe. Bianchi. Assim, morreu Pe. Bianchi à serviço da Igreja”, diz.

O autor da ação, que é formado em direito, afirma que o caso só chegou a esse estágio, após várias tentativas de conversas com o bispo, garantindo situação financeira complicada após a morte de Bianchi, uma vez que, segundo ele, era o padre quem honrava com as despesas da família.

“Restou claro que o Autor somente procurou a Igreja, na pessoa do seu bispo diocesano Dom José, para expor uma situação fática, pedindo clemência diante o seu parco estado financeiro, afinal, toda a sua família era mantida pelo seu finado pai”, diz.

A ação tem como advogados Maristela Basso e Guilherme Dudus (ouvido pelo Blog da Polo), fundadores do Projeto ‘Cicatrizes da Fé’, fundado em 2018 que tem como objetivo, denunciar supostos abusos (sexual, psicológico, espiritual, etc.) cometidos por padres e/ou religioso(a)s vinculados à Igreja Católica Apostólica Romana.

A Diocese informou que não se pronuncia sobre temas do setor jurídico da Instituição.

Postado por: Janielson Santos

5 de janeiro de 2022

Prefeitura de Taquaritinga do Norte divulga programação da Festa de Santo Amaro

Fiéis já deixaram a Igreja de Santo Amaro no Recife e caminharão por 6 dias até Taquaritinga

Festa de Santo Amaro é comemorada anualmente em Taquaritinga do Norte

Comemorada todos os anos no mês de janeiro em Taquaritinga do Norte, a tradicional Festa de Santo Amaro já tem data e programação definida. O evento começa nesta quinta-feira (06) e vai até o próximo dia 15.

De acordo com a assessoria de comunicação, a programação terá dois polos culturais (quermesse e coreto). Devido à pandemia da Covid-19, a Prefeitura juntamente com a Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico e a Diretoria de Cultura, reforçam a necessidade das pessoas se vacinarem, continuar utilizando máscaras e higienizar as mãos, conforme protocolos de combate.

Peregrinos já estão na estrada a caminho de Taquaritinga do Norte

A festividade atrai milhares de fiéis e devotos de várias localidades, a exemplo da peregrinação que, esse ano, contará com mais de 120 pessoas que já deixaram a Igreja Matriz de Santo Amaro no Recife e irão caminhar 170 quilômetros durante seis dias em direção a Taquaritinga.

Os caminhantes chegam ao seu destino, no próximo sábado (08), onde, serão acolhidos na entrada da cidade, pelo pároco, prefeito, vice-prefeito, autoridades locais e a Banda Dom Luiz de Brito, seguindo até a Matriz para receber a Santamarana (certificados de participação), além de uma benção do padre das Romarias.

O trajeto passa por onze municípios e os peregrinos são orientados sobre quais roupas são ideais para caminhar, como prevenir insolação, onde encontrar apoio médico. Todas as informações são disponibilizadas no Guia da Caminhada de Santo Amaro, entregue no ato da inscrição, que traz junto o kit contendo uma camisa, um cajado, uma pequena cabaça e uma bandeira branca símbolo da paz.

“Mais um ano estamos ansiosos e preparados para receber os caminhantes. Já são 16 edições da caminhada que nos remete a fé, a superação e para aprendermos que as dificuldades existem, mas são vencidas, basta ir à luta e persistir. Sejam todos mais uma vez bem vindos a Terra do Café. Estamos de braços abertos para receber vocês”, completou o Secretário de Turismo, Léo Lima.

Confiram a programação completa:

Dia 06/01 – Quinta-feira

21h – Saulo Nascimento (Quermesse)

23h – Jonas Rodrigues (Coreto)

Dia 07/01 – Sexta – feira

21h – Socorro e Mazé (Quermesse)

23h – Bardhigão (Coreto)

Dia 08/01 – Sábado

21h –  Vitrola, anos 60/80 (Quermesse)

23h -Edmirson Danda (Coreto)

Dia 09 – Domingo

17h -Orquestra do Psui (Coreto)

21h – Luau Jovem (Quermesse)

23h – Adriano Márlly (Coreto)

Dia 10 – Segunda – feira

21h Recital (Roberto e Wilma)  ( Quermesse)

Dia 11 – Terça – feira

21h – Louvor Católico (Ministério de Música) (Quermesse)

Dia 12 – Quarta – feira

21h – Orquestra Pisui (Quermesse)

Dia 13 – Quinta – feira

21h – Cultura Nordestina com Bardhigão (Quermesse)

21h  Bardhigão (Coreto)

23h – Banda Nível 5 (Coreto)

Dia 14 – Sexta – feira

22h Fabiano Alcan & Forró Taquara (Coreto)

24h Socorro e Mazé (Coreto)

Dia 15 – Sábado

21h Paula Santos (Coreto)

23h – Saulo Nascimento (Coreto)

Postado por: Eliton Araujo

1 de janeiro de 2022

Novos párocos de Santa Cruz do Capibaribe são divulgados

 

A Diocese de Caruaru divulgou na manhã deste sábado (01) através da Chancelaria, as nomeações e transferências dos padres. A comunicação oficial foi feita dentro do Programa De Todo Coração, que é transmitido todos os sábados na Tv e nas redes sociais da Diocese. O padre Aluízio Ricardo Aleixo, chanceler do bispado, fez a leitura das 25 nomeações.

Em Santa Cruz do Capibaribe, haverão três alterações nas igrejas do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, e de Nossa Senhora Aparecida.

De acordo com a publicação, o padre que vai assumir a Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, é Luiz Antônio da Silva Filho, que vai substituir Pe. Kennedy Amorim, que assumirá a Paróquia de Nossa Senhora de Fátima, no bairro da Boa Vista em Caruaru.

Já a Paróquia de Nossa Senhora Aparecida terá o padre Augusto Fagnê Araruna Paixão, e o vigário paroquial Adenilton Moisés da Silva, que vão ocupar o cargo de Pe. Antônio Márcio, que será direcionado à Paróquia de Santa’Ana, em Gravatá.

O vigário paroquial Wilson Nunes, que estava na Igreja do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, foi nomeado administrador da área pastoral de São João Batista, de Encruzilhada, distrito de Bezerros.

Este processo é natural na vida da Igreja, pois ela é missionária e ministerial. Dessa forma, os sacerdotes são chamados a viverem essa missionareidade e doarem suas vidas em favor do povo de Deus, onde a Igreja os enviam. O bispo, “considerando o bem das almas e atento às necessidades pastorais-administrativas da Igreja Particular”, realiza essas mudanças em determinados tempos.

A Diocese ainda não informou as datas para posses dos padres. O que deve ser definido nos próximos dias, em comum acordo entre os párocos.

Postado por: Eliton Araujo

13 de dezembro de 2021

Comunidade do Pindurão dos Ramos prestigia encerramento da Festa da Padroeira Santa Luzia

Festividade foi comemorada pelos fiéis na comunidade Pindurão dos Ramos (Divulgação)

No último sábado (11) moradores e devotos da comunidade Pindurão dos Ramos prestigiaram o encerramento das festividades da padroeira Santa Luzia. O tema desse ano foi “Igreja, Comunidade Casa da Palavra e da Missão”.

Considerada uma das mais tradicionais festas religiosas da região, centenas de fiéis participaram do encerramento, que contou com procissão, missa campal, quermesse, banda de pífano e a realização de leilões.

Personalidades políticas e empresarial prestigiaram o encerramento dos festejos.

Postado por: Eliton Araujo

27 de outubro de 2021

Celebração eucarística e benção do túmulo do Padre Zuzinha, será realizado neste domingo (31)

 

 

Neste Domingo (31) será realizado pela Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, a rememoração a história do Padre Zuzinha, e sua trajetória e legado de humildade e doação ao próximo. 

A partir das 16h, será realizada em frente ao cemitério São Judas Tadeu (Cemitério velho), no bairro Santa Tereza em Santa Cruz do Capibaribe, uma Celebração Eucarística, também haverá a bênção do túmulo do Padre, que recentemente passou por uma reforma. 

Postado por: Polo Noticias

25 de outubro de 2021

8ª edição do ‘Santa Cruz em Santidade’ será realizado de 03 a 06 de novembro

 

 

A programação da 8ª edição do Santa Cruz Em Santidade, e divulgada pelo Movimento Católico Bento XVI, que este ano tem como tema: Que Ele cresça e eu diminua. 

O Evento de Evangelização acontecerá de 03 a 06 de novembro, na Casa da Criança, sempre as 19h e com entrada franca. 

Esse ano terá as presenças do Padre Aluízio (Canção Nova), Dom José Ruy (Bispo da Diocese de Caruaru), Padre Gabriel Vila Verde (Cruz das Almas da Bahia) e do Cantor Rodrigo Torres, que tem em seu repertório grandes sucessos como Sacrário do Amor, Eu sou livre, Pra sempre Deus (com participação do Frei Gilson), entre outros. 

Com uma programação recheada com louvor, Santo Terço, Pregação, Testemunho, Santa Missa, Adoração e Show Oracional.  

Para mais informações siga as redes sociais do Movimento Católico Bento XVI. 

Postado por: Polo Noticias

21 de setembro de 2021

Tradicional Festa do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel teve início ontem (20)

 

Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aftitos e São Miguel em Santa Cruz do Capibaribe.

 

Teve início nesta segunda-feira (20), a tradicional Festa do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, em Santa Cruz do Capibaribe, com a parte religiosa que este ano tem como tema: “Fé, consolo e esperança dos Aflitos”. 

A programação da festividade que vai até o dia 29, contará com as presenças de noiteiros e participações de comunidades, além dos cantos litúrgicos e a animação de quermesse que ficará com a participação da Banda Musical Novo Século. 

As celebrações ficarão também por conta de párocos das cidades de Brejo da Madre de Deus, Agrestina, Gravatá, Recife, além de Santa Cruz do Capibaribe, e do bispo Dom José Ruy Gonçalves da Diocese de Caruaru. 

No último dia da festa, 29 de setembro, a programação terá início a partir das 6h com a alvorada festiva, seguida de repique dos sinos. A paróquia definirá nos próximos dias se a procissão com as imagens do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel será a pé ou motorizada. 

 

Postado por: Polo Noticias

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!