Pesquisar

Simone Aragão fala sobre UPA, novo Hospital e planejamento na Saúde de Santa Cruz

 

Simone assumiu a pasta no dia 20 de dezembro

 

Secretária esteve na emissora nesta manhã (Gilson Fernandes / Blog da Polo)

A secretária de Saúde de Santa Cruz do Capibaribe, Simone Aragão, foi entrevistada na manhã desta quinta-feira (12) no programa Estúdio Livre da Rádio Polo e abordou dentre os temas: UPA 24H, novo Hospital, mudanças na Secretaria e planejamento para os próximos meses.

Reforma da UPA 24H – Simone afirmou que tem realizado constantes visitas às obras de reforma da UPA e que o andamento tem sido mantido conforme o esperado. Ela acredita que o novo prédio estará pronto até o final do primeiro semestre deste ano.

Bloco Cirúrgico – Fechado há mais de dois anos, o Bloco Cirúrgico ainda não funcionou na gestão do prefeito Fábio Aragão. Sobre esse tema, Simone afirmou que já está finalizando alguns ajustes para que o setor volte ao normal. Ela ainda anunciou que o coordenador do Bloco Cirúrgico será Dr. Marlúcio.

Entrevista ocorreu no Estúdio Livre desta quinta (Eliton Araujo / Blog da Polo)

 

Agenda Santa Cruz – Criado para facilitar o agendamento de consultas médicas, o site Agenda Santa Cruz tem sido bastante criticado pelos usuários que reclamam da demora nas respostas da Pasta. Sobre este tema, Simone Aragão afirmou que existe uma certa dificuldade no retorno, principalmente pela impossibilidade de algumas pessoas serem contactadas. Ela reforçou que vai discutir com o prefeito a continuidade ou não das especialidades através do sistema. Simone citou que tem “algumas ideias”, mas não citou quais.

Medicamentos – a secretária reforçou que tem buscado melhorar a distribuição dos medicamentos para as unidades de saúde e que, pontualmente, alguns locais podem ter ausência de algum tipo específico de medicamento.

Carro da Malhada – uma das maiores cobranças de moradores da Malhada do Meio, é a disponibilização de um veículo de apoio para o bairro. Simone afirmou que um veículo será enviado, mas que está aguardando ajustes na documentação veicular.

Combate às arboviroses – com alerta emitido pelo Ministério da Saúde no dia 02 de janeiro, informando que Santa Cruz está entre os municípios com altos índices de infestação, a secretária entende que não há dados alarmantes. Segundo ela, ano passado a cidade registrou 225 casos de Dengue, 43 de Chikungunya e 30 de Zika.

“Não vejo nada alarmante nesse sentido não. No ano passado, atingimos 80% dos imóveis a cada dois meses”, ressaltou.

Os dados são extraídos através de um Levantamento Rápido de Índices para o Aedes Aegypti (LIRAa). (Relembre clicando aqui).

Secretária esteve acompanhada de integrantes da Saúde (Anderson Figueiredo / Blog da Polo)

 

Ouça a entrevista na íntegra:

Compartilhe agora essa notícia!

Facebook
WhatsApp
Twitter