Pesquisar

Nailson critica secretário de Serviços Públicos e cobra descentralização da emissão do cartão do SUS

O vereador Nailson Ramos (MDB) corroborou com as críticas da vereadora Nêga, sobre os buracos nas ruas do município e afirmou que o secretário de Serviços Públicos precisa andar mais pela cidade.

“Se faz um reparo em uma rua, e poucos metros à frente existem problemas que não são sanados. É o verdadeiro faz um e deixa outro”, diz.

Naílson ainda ressaltou a importância de a gestão através da Secretaria de Saúde, descentralizar a emissão do cartão do SUS. Para ele, a emissão apenas em um local prejudica a vida dos cidadãos.

“Em gestões passadas, emitia-se cartão do SUS no Bolsa Família e em alguns postos de saúde da família”, citou.

“Era outro Naílson que tinha aqui?” questiona o governista Augusto Maia

O vereador governista Augusto Maia (PSB) rebateu o discurso de Naílson, afirmando que na gestão passada (de Edson Vieira) o vereador não fazia cobranças veementes relacionadas a saúde.

“Ele (Nailson) disse que quando era situação vinha aqui criticar e cobrar, não sei se entendi errado. Eu, particularmente, nunca vi ele fazer isso. O que eu via aqui era o contrário, que defendia até mesmo quando estava errado”, cutucou.

O vereador defendeu a gestão de Fábio Aragão na área da saúde.

“As pessoas da regulação tem trabalhado arduamente e a gente já percebe o quanto melhorou. Em 1 ano e 4 meses é difícil regulamentar as cirurgias todas, pois vocês passaram 8 anos com o bloco cirúrgico fechado”, retrucou.

Compartilhe agora essa notícia!

Facebook
WhatsApp
Twitter