24 de abril de 2020

Repasses da Câmara de Santa Cruz para a previdência municipal, críticas de Carlinhos da Cohab a serviços de pavimentação, a queda anunciada de Sérgio Moro, Bola cheia e Bola murcha – Ouça o Rádio Debate desta sexta-feira (24)

O presidente da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, Augusto Maia (PSB) rebateu uma acusação do vereador Capilé (PSD) sobre repasses da Casa de Leis ao SantaCruzPrev.

Augusto participou do programa e explicou a realização de repasses e prazos da Câmara, para esclarecer que a situação estaria regularizada.

O vereador Carlinhos da Cohab (Progressistas) também participou a edição de hoje do Rádio Debate para citar valores de obras de pavimentação no município. Carlinhos contesta os preços praticados e a qualidade de serviços executados em Santa Cruz, na época em que Gilson Julião era secretário de desenvolvimento urbano.

O ex-secretário rebateu as críticas dizendo que Carlinhos já perdeu ações judiciais contra entes da gestão Edson Vieira. Gilson comentou os pontos citados por Carlinhos na sua denúncia e cobrou que se realmente há alguma irregularidade, acione o Ministério Público.

Outro assunto abordado no Rádio Debate desta sexta-feira foi o bloqueio de 10% dos salários do senador e líder do governo Bolsonaro no Congresso, Fernando Bezerra Coelho (DEM) e Eduardo da Fonte (Progressistas), por ações na Operação Lava-Jato.

Finalizando o programa, a saída, que acabou se confirmando horas depois do agora ex-ministro Sérgio Moro sobre a possibilidade e ainda o quatro “Bola cheia e Bola murcha”.

Rádio Polo · Rádio Debate 24 de abril

Postado por: Walter Miro

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!