18 de janeiro de 2022

Ministério Público Federal apura erro que fez 40 crianças serem vacinadas com imunizantes contra Covid-19 para adultos na Paraíba

 

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga esteve na cidade (Divulgação / Assessoria)

 

Na última semana, 40 crianças foram vacinadas indevidamente contra o Covid-19 no município de Lucena-PB, Região Metropolitana de João Pessoa.

Estas crianças receberam imunizantes fora do prazo de validade e apropriadas para adultos, o que chamou a atenção do Ministério Público Federal, que abriu investigação a respeito do caso.

A Secretaria de Saúde da Paraíba informou que as crianças tiveram reações leves, como febre e dor no local da injeção.

 

O frasco para vacinação dos adultos apresenta detalhes em roxo, enquanto o das crianças, tem detalhes em laranja (Reprodução / Internet)

 

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, informou que já afastou a profissional que aplicou as vacinas e também está apurando as eventuais causas, uma vez que quando esta vacinação foi iniciada, sequer os estados haviam recebido as doses pediátricas da Pfizer para iniciar a campanha de imunização.

Outro detalhe é que as doses pediátricas e para adultos da Pfizer diferem, sobretudo pela cor dos frascos e tampas, enquanto a dose para adultos é da cor roxa, a dose para crianças é laranja.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que é paraibano, esteve ontem (17) no município de Lucena onde colheu informações sobre o caso. Após a repercussão o acontecido, o secretário de Saúde do município, Antônio Paulo, foi exonerado.

Postado por: Walter Miro

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!