3 de dezembro de 2021

Indivíduo acusado de homicídio no ano passado em Santa Cruz do Capibaribe é condenado a 18 anos de prisão

 

O corpo foi encontrado na manhã do dia 29 de abril (Acervo / Blog da Polo)

 

 

No dia 29 de abril do ano passado, o corpo de um homem foi encontrado nas proximidades do Moda Center (relembre o caso clicando aqui). Marcos Fernandes do Carmo, à época, com 31 anos, foi morto e seu corpo foi encontrado em uma vala em meio ao matagal.

De acordo com a Polícia Civil, o crime teria acontecido na noite anterior, porém, nas buscas iniciais, nada foi localizado.

O acusado de realizar o crime, Josivaldo José da Silva Júnior (à época com 26 anos), foi detido e apresentado na Delegacia de Santa Cruz do Capibaribe no dia 1º de maio de 2020.

O delegado Flaubert Queiroz concedeu no ato da sua prisão, entrevista à Rádio Polo, onde informou que Josivaldo acabou confessando o crime, onde inclusive uma faca suja de sangue teria sido encontrada na casa do mesmo.

Nesta quinta-feira (2), foi realizado o julgamento do crime no fórum de Santa Cruz do Capibaribe, onde Josivaldo José da Silva Júnior acabou sendo considerado culpado pelo crime, e condicionado à pena de 18 anos e seis meses de reclusão, inicialmente em regime fechado.

A justiça enquadrou Josivaldo pelo crime de homicídio qualificado com motivação torpe, além do crime de ocultação de cadáver.

O mesmo ainda não poderá recorrer da decisão em liberdade. O culpado está recolhido no presídio Frei Damião de Bozzano, no Recife.

Postado por: Walter Miro

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!