31 de março de 2020

Coordenadora municipal do Cadastro Único explica sobre auxílio emergencial e alerta para golpe em redes sociais

Link com suposto cadastro é uma fraude que rouba os dados do usuário (Reprodução / WhatsApp)

Foi aprovado no Congresso Nacional um auxílio emergencial à população que está apreensiva em virtude da situação econômica para a qual o país caminha, em virtude da pandemia do novo coronavírus, que orienta o isolamento social da população.

O auxílio será no valor de 600 reais, podendo chegar até 1.200 reais por família e será pago por três meses, prorrogável por mais três.

Todos que trabalham sem carteira assinada, inclusive os trabalhadores domésticos, empregadores sem CNPJ, microeempreendedores individuais, desempregados com mais de 18 anos que se enquadrem nos critérios do Cadastro Único, que é o registro de pessoas de baixa renda que recebem benefícios sociais, como o Bolsa Família poderão receber o auxílio que deverá ser pago em agências da Caixa e Banco do Brasil, casas lotéricas e agências dos Correios.

Os usuários que já recebem outro benefício poderão optar entre o valor do auxílio emergencial, ou o benefício que já estejam recebendo, durante os três meses em que o auxílio será pago.

A coordenadora do Cadastro Único em Santa Cruz do Capibaribe, Gabriela Rocha comentou sobre critérios para recebimento e reforçou que os usuários já cadastrados no sistema até o dia 20 de março poderão receber o auxílio.

Gabriela Rocha ainda solicitou aos usuários que não cliquem em nenhum endereço virtual que ofereça um cadastro prévio para o recebimento do auxílio.

Postado por: Walter Miro

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!