7 de dezembro de 2021

Flávio Balbino apresenta números da gestão da Diretoria de Esportes em 2021

 

Flávio aponta que em 2022 a área será impulsionada por eventos após a pandemia (Blog da Polo)

 

Na manhã desta terça (7), o diretor de Esportes de Santa Cruz do Capibaribe, Flávio Balbino, foi o entrevistado do programa Estúdio Livre, da Rádio Polo.

Entre as principais ações da sua pasta, Flávio destacou a realização do Campeonato Rural de Futebol, o incentivo a desportistas que participam de atividades e competições em todo o país representando o município.

Ao longo do ano, a Diretoria fez doações de redes e bolas a vários times amadores da cidade que não tinham estrutura para a prática esportiva.

 

O educador físico Gabriel Pontes compõe a equipe da Diretoria (Blog da Polo)

 

Em dezembro do ano passado, o então prefeito-eleito Fábio Aragão anunciou em uma viagem a Brasília que o secretário especial de Esportes do Governo Federal, Marcelo Magalhães teria anunciado a disponibilização futura de verbas pra a implantação de grama sintética e construção de arquibancadas para o Estádio Municipal Ary Barbosa, o Aryzão (relembre clicando aqui). Flávio Balbino informou que o Governo Federal teria declinado da proposta, no entanto, o Governo Municipal iria se empenhar com o objetivo de angariar verbas para realizar o serviço de requalificação da praça de esportes.

Flávio acredita que em virtude do andamento da vacinação e do avanço dos protocolos de retomada da pandemia, 2022 será um ano de muitas atividades esportivas, vislumbrando a realização de campeonatos femininos de futebol e futsal.

Os tradicionais Jogos Escolares de Santa Cruz do Capibaribe também devem ser retomados no próximo ano, provavelmente no segundo semestre.

 

Campeonato Rural x Campeonato dos Sítios

 

O campeão do Campeonato Rural de Futebol de 2021 foi o Botafogo do Pará (Divulgação / Assessoria)

 

O diretor de Esportes falou sobre a polêmica envolvendo o nome do Campeonato Rural Santa-cruzense, antigo Campeonato dos Sítios – Prefeito Augustinho Rufino. Flávio apontou que não vê problemas na mudança do nome do torneio, apesar do nome do campeonato ter sido aprovado em projeto de lei na Câmara Municipal.

De acordo com Flávio, esta é uma marca do Governo e que na sua concepção, atrelar o nome de um campeonato a uma pessoa acaba limitando a possibilidade de prestar homenagens a mais pessoas que ajudam a construir a história do município.

Questionado sobre a possibilidade do Campeonato da Moda no próximo ano, ele afirmou que pretende realizar o torneio, mas não garantiu que o nome criado no Governo Edson Vieira será mantido.

 

Rádio Polo · Flávio Balbino no Estúdio Livre 071221

Postado por: Walter Miro

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!