7 de outubro de 2020

“Fiz meu trabalho e peço a oportunidade de renovar o mandato para que as conquistas possam continuar e a cidade avançar”, diz Edilson Tavares à Rádio Polo

Imagens: Fernando Lagosta.

Buscando a reeleição, o prefeito de Toritama, Edilson Tavares (MDB), foi o terceiro postulante da Capital do Jeans, entrevistado na Rádio Polo nesta corrida eleitoral. O encontro, mediado pelos jornalistas Janielson Santos e Walter Miro, aconteceu nesta quarta-feira (07).

Em pauta, questões políticas, polêmica sindicância instaurada ano passado, obras realizadas em sua gestão e promessas para um possível segundo mandato.

Mesmo reconhecendo cenário bastante diferente de 2016, quando venceu um pleito para surpresa de muitos, e afirmando que concluiu pouco mais de 71% do plano de governo passado, Edilson não considera a eleição deste ano, como “algo fácil”.

Produto garantido

O candidato rebateu as críticas de adversários, sobre suposto material de ‘pouca durabilidade’, na construção de quatro escolas. De acordo com o prefeito, além da rapidez para obra e 20% mais barata, a construção tem garantia e é atestada pela própria engenharia, como cinco vezes mais resistente que alvenaria.

“Contra fatos não há argumentos. Quem afere as escolas é a própria engenharia”, disse, e completou mais a frente que os equipamentos servem de exemplo para Pernambuco e Brasil.

Segundo o candidato, as escolas devem receber placas de energia solar num possível segundo mandato.

O empréstimo

Edilson Tavares sustenta que realizou empréstimo de R$ 10 milhões para requalificação da Feira, com garantias de não comprometer futuras gestões. O valor será pago em 10 anos com juros de R$ 6 milhões.

Dos valores do empréstimo, o candidato explica que tirou R$ 2 milhões para compra de veículos, trocando pela frota de 24 carros alugados. Em seus cálculos, com a economia realizada na locação de veículos, pagará os juros e ainda ficará com frota própria.

Sobre a estrutura em si (com uma de três etapas prontas) afirma que é “uma das feiras de rua mais organizadas do Brasil”.

Sindicância

Em 2019, uma polêmica em Toritama gerou uma sindicância na prefeitura. De acordo com a denúncia, uma servidora teria se apropriado indevidamente de dados de outros servidores, para conseguir remédios do governo federal e revender em um estabelecimento privado. O prefeito garante que a gestão fez sua parte de investigação com a sindicância e aguarda um posicionamento final da justiça, para tomada das medidas necessárias.

Promessas

Dentre as promessas para um segundo mandato, está: construção de mais quatro escolas, duas creches, término da segunda etapa da Feira, reestruturação do centro da cidade, criação da ‘Arena do Jeans’ (espaço para eventos, por trás da feira, que também servirá de estacionamento), implantação do ‘Renda Toritama’ (programa semelhante ao Bolsa Família), entre outras coisas.  

“Nosso plano de governo tem um investimento geral de 47 milhões 862 mil reais. Tenho a conta do plano, sabemos como vamos fazer, de onde são os recursos”, disse.

Voo mais alto?

Edilson nega que o apoio aos aliados nas cidades vizinhas, seja visando um voo mais alto na política para 2022, a exemplo de uma candidatura à Alepe. Ele garante que, sendo reeleito, completará os quatro anos da administração.

Confira a entrevista, na íntegra:

Rádio Polo · Eleições 2020 – Entrevista com Edilson Tavares 07.10.20

Entrevista Edilson Tavares (MDB) Candidato a prefeito em Toritama – Eleições 2020

Entrevista Edilson Tavares (MDB) Candidato a prefeito em Toritama07/10/2020Eleições 2020 #Compartilhe

Posted by Rádio Polo on Wednesday, October 7, 2020

Postado por: Janielson Santos

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!