25 de setembro de 2020

Professores da rede estadual de PE decretam estado de greve

Cerca de 2 mil professores do estado participaram de reunião remota nessa quinta-feira (24) e, contrários ao retorno de aulas presenciais, decretaram estado de greve. A assembleia foi promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe).

Com isso os profissionais optaram por não retornar às atividades presenciais em 6 de outubro, após mais de 6 meses.

O decreto é válido para as redes pública e privada, ficando a cargo dos pais ou responsáveis optar pelo retorno presencial ou seguir de forma remota.

Confira a nota da categoria.

Em Assembleia Geral virtual realizada na tarde desta quinta-feira, 24 de setembro de 2020, Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação, representados pelo Sintepe, aprovaram os seguintes encaminhamentos:

1. Não retornar às atividades presenciais na rede estadual de ensino;

2. Divulgar amplamente o parecer da Rede Solidária em Defesa da Vida contra o retorno às aulas presenciais no Estado de Pernambuco;

3. Entrar com ação jurídica contra o retorno às atividades presenciais na rede estadual de ensino;

4. Estado de Greve;

5. Participar de reunião com a Secretaria de Educação na próxima segunda-feira, 28 de setembro;

6. Realizar mais uma Assembleia Geral virtual na quarta-feira, 30 de setembro às 14h30;

O Sintepe solicita que Trabalhadores/as em Educação de demais interessados/as acompanhem às redes sociais do Sindicato para permanecerem informados. 

Postado por: Janielson Santos

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!