12 de março de 2020

Coluna ‘Mente aberta’ com Janaína Souza

O preconceito em relação à saúde mental e emocional 

É bem interessante porque, de uma maneira geral, nós temos um certo preconceito com relação a muitas áreas e aos mais variados assuntos. E a psicologia é uma delas.  

Há pessoas que entendem que ir ao psicólogo significa que você está orando ou rezando pouco e até mesmo que Deus está lhe castigando. E se ouve muito falar que se vai ao psicólogo é porque “perdeu o juízo”, que tá “ficando doido”.  

Dessa forma, se você não pode ou não deve ir ao psicólogo, ir ao psiquiatra muito menos. Muitas pessoas acham que tomar medicação significa que você não está confiando em Deus. Têm-se essa dificuldade a partir do momento em que isso é colocado em nós – e assumimos – como errado. 

Então, há uma necessidade de desmistificar essas crenças e saber que há uma eficácia nos tratamentos. Que os profissionais da saúde mental são capacitados e habilitados pra acolher o sofrimento humano. E se alegrar em saber que muito conhecimento sobre essa área está sendo propagado e do quanto já fomos agraciados pelo cuidado de Deus através de bons profissionais que cuidam da saúde física, das emoções, da mente, da alma etc.  

A depressão tem avançado muito em relação à aceitação social, mas o preconceito ainda existe e esse é um dos fatores principais que ainda impedem as pessoas de procurar ajuda especializada.

A colaboração, a disciplina, e o conhecimento sobre a doença – tanto para o paciente como para a família – são fundamentais para sucesso não só do tratamento das doenças da mente como também de todas as doenças que podem acometer o ser humano.  

Procurar ajuda psicológica e psiquiátrica é tratamento essencial para o estabelecimento do equilíbrio e da saúde mental e emocional. 

A questão de saúde das emoções e mental tem se tornado cada vez mais difícil de ser ignorada pois as estatísticas desses adoecimentos vêm aumentando e, consequentemente, vemos um número maior de famosos e também pessoas próximas se tornando incapazes de sobreviver e perdendo a vida por estarem doentes mentalmente. 

É fundamental enxergar essa realidade e despertar nas pessoas a vontade de conhecer e procurar ajuda especializada. 

As informações são de inteira responsabilidade do seu autor

Postado por: Janielson Santos

Ouça A Polo FM Ao vivo
Siga nossas Redes
Fale Conosco
error: Content is protected !!